E-commerce movimenta mais de 53 bilhões só em 2018

E-commerce movimenta mais de 53 bilhões só em 2018

O E-commerce ou, como também é popularmente conhecido, o Comércio Eletrônico, movimentou somente em 2018 R$ 53,2 bilhões de reais, uma alta em torno de 12% em comparação a 2017, segundo dados da EbitNielsen.
Esses números representam vendas em território nacional, na casa das 123 milhões de pedidos. Isso significa que, o ticket médio por pedido é de R$ 434,00.

Para 2019, até 31/12 onde se considera os próximos feriados com apelos comerciais, como o Dia das Crianças e o Natal, e expectativa é de uma alta em torno de 15% em relação ao ano passado.
São números altamente expressivos, não acha?!

Então quer dizer que existe uma chance maior de sucesso para quem vende pela Internet?
Sim. Esses dados nos mostram que cresce a cada dia o interesse do consumidor em poupar aquele tempinho e assim poupar aquela graninha, simplesmente por comprar online.

A maioria dos brasileiros consumidores preferem comprar pela internet pelos motivos já citados acima, mas também porque com uma simples pesquisa, no Google ou em sites de comparação de preços, é possível muitas vezes encontrar o mesmo produto vendido com preços mais atrativos em outros E-commerce.

O que o Comércio Eletrônico ou E-commerce fatura muda drasticamente o cotidiano das pessoas. Isso porque o seus hábitos de consumidores são coletados por vários sites, empresas, plataformas e ferramentas, com o intuito de entender cada vez mais o perfil do consumidor e entregar a ele “de mão beijada” exatamente o que ele quer.

Mas por que muitas empresas ainda não tem o seu próprio E-commerce?
Um conjunto de fatores pode ser a explicação mais lógica para este cenário.
Veja alguns deles:
– Desconhecimento de custos: muitos proprietários de comércios se assustam com o “boom” que o Comércio Eletrônico proporciona, e acabam associando essa ascensão ao crescimento de custos.
– Falta de tempo: Este pode ser o maior vilão de todos. Os micro e pequenos empresários normalmente encontram dificuldades para administrar o seu tempo na operação dos seus negócios. Isso acaba prejudicando projetos de vendas pela Internet, pois é necessário muita dedicação.

Conclusão
Vimos que o crescimento deste segmento é exponencial e cabe em todos os setores da indústria, basta você achar o seu espaço!

Ah, não se esqueça, aqui na Leader você tem total assessoria para o desenvolvimento do seu projeto e-commerce do ZERO!

Entre em contato pelo WhatsApp

Ou clique aqui

Saiba por que o seu negócio não vende tanto quanto deveria

É de conhecimento geral que o principal problema dos empreendedores com seus produtos/serviços é chegar até o público alvo. Muitos vivem basicamente de indicações.
Em vários e vários casos você se depara com produtos ou serviços muito bons, mas que são pouco conhecidos do grande público. Isso claramente se deve aos motivos citados acima.

Mas a grande pergunta é: por quê?

Não precisamos ir muito longe. Aqui no Blog em uma pesquisa informal rápida com mais de 3.000 empresas situadas na Capital Paulista, percebemos que quase 90% dos casos as empresas não possuem algum apoio de marketing ou um braço tecnológico que possa direcionar a empresa para o lugar certo. Mais de 50% dessas empresas não possuem nem um site!

É claro que o site não é a principal força de vendas da maioria dos negócios, principalmente se este for prestação de serviços. Existe a presença constante nas redes sociais, engajamento do público alvo, monitoramento de concorrência etc.
Porém, existe a importância de ter um site em todo este processo: a comunicação com o público alvo.
É através da comunicação com o seu público que você consegue mensurar o real interesse das pessoas no conteúdo que elas estão consumindo. Fazendo pesquisas, entregando conteúdo gratuito e convidando as pessoas a conhecerem mais sobre o seu trabalho, engajando os interessados e muito mais.

Sabemos que existe um preconceito com relação a tecnologia e marketing, pois a maioria dos empreendedores enxergam esses itens como custo e não como investimento.
As maiores empresas do mundo dizem que os departamentos de Marketing e Qualidade (que muitas vezes engloba o pós vendas) são importantíssimos para o crescimento de seus produtos e serviços no mercado de um modo geral. Não é à toa, não acha?!

Conclusão
Ter algum investimento, principalmente de tempo, em tecnologia, marketing e qualidade é fundamental para alavancar as suas vendas.
Considere isso. Mas não se esqueça, pode levar tempo.
Então, comece logo! 
Peça auxilio a um dos nossos consultores aqui

Por que ter um Blog Corporativo

Por que ter um Blog Corporativo

Neste post vamos abordar os 5 principais motivos para você utilizar o Blog do seu negócio como ferramenta de Marketing Digital

Ainda existem pessoas que enxergam o Blog apenas como uma ferramenta para que personalidades disseminem suas ideias, seus pensamentos, sua filosofia e até mesmo suas experiências. Mas isso é passado.
Hoje vamos te mostrar, de modo bem objetivo, 5 motivos para você começar a traçar uma boa estratégia de Marketing Digital, utilizando um sistema de Blog e sem investir nem um centavo!

      1. Atrai os olhares para a sua marca

        Esse é um conceito bastante direto: as principais ferramentas de busca da internet trabalham indexando os conteúdos e os tornando cada vez mais relevantes à medida em que eles são “comentados”.
        Basicamente é através de artigos, textos, reviews, feedback e outros artifícios que os buscadores consideram o seu produto ou serviço relevante. Aqui no Blog da Leader nós já abordamos o assunto do investimento em Marketing, onde, engana-se quem pensa que basta pagar bem para estar em primeiro lugar nas pesquisas.

        Já ouviu aquela frase que diz: “quem não é visto não é lembrado”? – Lembre-se dela!

      2. Interatividade

        Esse é mais um ponto-chave. Quanto mais o seu produto ou serviço é comentado, mais ele é procurado e mais ele é visto, é um processo quase que automático. E é aí que você causa a “Interatividade”.
        Com um blog mantendo uma disciplina de conteúdos relevantes aos seus serviços, você garante que haverá interação em torno dos assuntos e automaticamente interesse por parte das pessoas.
        O raciocínio é simples: antes de comprar um produto que você não conhece, você não pergunta a pessoas que conhecem? Não recorre ao Google? Muitas vezes o resultado das buscas não te leva a blogs com conteúdos completos e recheados de Feedback sobre aquele produto e isso acaba sendo determinante para a sua decisão?
        Simples, não é?!

      3. Resultados

        Quando você pensa em investir em propaganda, quais opções vem na sua cabeça?
        Comercial de TV;
        Comercial em Rádios;
        Flyer;

        Note que nos casos citados, quando você interrompe o investimento, automaticamente a sua propaganda deixa de ser veiculada. Diferente do seu Blog, pois, se você parar de fazer postagens o seu produto/serviço vai continuar presente no Google e sua relevância garantida.
        Tudo isso sem custo algum!

      4. Facilidade no Processo de Vendas

        Quando as pessoas procuram sobre o seu produto/serviço e encontram artigos completos para adquirir conhecimento (referente ao produto/serviço) gratuito, fica muito mais fácil fixar na mente delas o motivo pelo qual elas o procuraram e obter sucesso nas vendas.
        Assim, você estabelece confiança, pois a qualidade daquilo que você está oferecendo está sendo impressa na memória dos leitores, que compartilham e recomendam.

      5. Indica sua preocupação em entregar o melhor do que está oferecendo

        E não pense que por conta deste ser o último item, ele é o menos importante!
        Quando você vai a uma loja comprar algum produto, antes de mais nada, você leva em consideração a sua real necessidade, o preço que vai pagar, como vai pagar e a qualidade do produto, certo?
        Certamente a qualidade do produto você já conhece por ter ouvido falar, ter visto um comercial, ter lido a respeito em algum Blog especializado ou simplesmente porque o seu vizinho tem um igual. Não é muito diferente do Blog, pois, da mesma maneira que o fabricante daquele determinado produto se preocupou em, de alguma forma, fazer com que as pessoas comentem sobre o seu produto, você também está fazendo o mesmo em seu Blog.
        Ou seja, quem é que compra algum produto/serviço na internet sem uma boa descrição? 😉

        Conclusão

        Esperamos que o conteúdo deste post tenha ficado bastante claro para você, e que seja de alguma forma útil para lhe ajudar a alavancar as suas vendas!
        Comenta aí o que achou

        Um forte abraço e bons negócios!

Conheça o Site Fácil 12,90 mensais

Conheça o Site Fácil 12,90 mensais

Se você ainda não tem um site ou não tem tempo para se dedicar a um projeto para tanto, uma alternativa interessante pode ser o Site Fácil.

Com ele você tem a praticidade de criar sozinho o seu próprio site, responsivo, arrastando e soltando tudo o que você precisa, e o melhor: custa muito barato e você publica em poucos minutos!

 

R$ 12,90 mensais e nada além!

E mais…

Emails Corporativos

Banco de dados

Certificado SSL

Backup Automático

E muito mais !

Contrate aqui

Como ficar em primeiro na busca orgânica

Como ficar em primeiro na busca orgânica

Estar em primeiro nas buscas orgânicas do Google é resultado de um trabalho muito bem estruturado e uma análise de campo bastante específica. É sonho de qualquer empreendedor.

Após a criação de uma empresa e o lançamento de um site, o principal problema para a maioria dos empreendedores é ser encontrado. De preferência, entre os primeiros resultados nas pesquisa dos motores de busca. Porém, quando desenvolvem um site, a maioria não tem ideia que vai precisar ser encontrado, e muitos aspectos importantes acabam sendo esquecidos.

Como o Google classifica sites?

De uma forma simplista, o Google baseia-se em dois grandes pilares para classificar sites nas pesquisas: Relevância e Reputação. Enquanto Relevância é tudo aquilo que controlamos de uma maneira direta; é aquilo que escrevemos sobre nós. A Reputação é um fator indireto, pois ela pretende refletir como somos vistos por terceiros.

Aparecer bem classificado é estratégico

Tanto empreendedores como os profissionais de Marketing cometem o erro de pensar em SEO como um “milagre técnico”. Aquele voodoo que vai salvar um mau produto ou uma má estratégia de Marketing e colocar seu site em primeiro lugar. Se o seu produto não é desejado, vai ser difícil você ganhar reputação, ou se tornar uma autoridade no mercado em que opera.

O primeiro lugar no Google, como qualquer outra posição na pesquisa orgânica, não pertence a ninguém por direito, nem deve ser tomado como um dado adquirido. A cada dia que passa a internet evolui, novo conteúdo é criado e publicado.

SEO pode ajudar, mas ele não substitui um diferencial de negócio, ou um posicionamento estratégico. O Google gosta de sites que representam um bom produto, um negócio legítimo, uma experiência única. Certifique-se que o seu site reflete uma ou mais dessas qualidades, só assim terá chances de aparecer na primeira página… Ou, quem sabe, em primeiro lugar no Google.

Fonte: pedrodias.net

Cartão Virtual

Cartão Virtual

PROMOÇÃO: CARTÃO ONLINE POR APENAS R$ 49,90!
SOLICITAR CARTÃO ONLINE

Esqueça o cartão de visitas em papel, ninguém guarda o seu cartão, ele se perde, prejudica a natureza, etc. Você, assim como eu, conhece várias razões para cuidar do meio ambiente.

O cartão virtual ou smart card é a solução adequada para essa situação.
Imagine divulgar todos os seus contatos e redes sociais, endereço do seu estabelecimento, telefones, whatsapp, tudo isso num único cartão online, de forma prática e econômica.

Imagine não precisar adicionar as pessoas no seu whatsapp para poder divulgar o seu produto/serviço.
Com o smart card isso não só é possível como é uma realidade!

Fale com a Leader I.T e solicite o seu agora mesmo, não perca essa promoção!

SOLICITAR CARTÃO ONLINE

Servidor Dedicado ou Compartilhado?

Servidor Dedicado ou Compartilhado?

Desenvolvi o meu site ou aplicação e agora preciso decidir: hospedar em um servidor dedicado ou compartilhado?

Bem, pra nós da área de tecnologia essa é uma pergunta muito fácil de se responder. Mas, para o cliente final, pode não ser tão simples assim.

A decisão pra nós é simples porque levando em consideração todo o ganho operacional que se tem em um servidor dedicado, a relação custo x benefício é fator determinante.
Já o cliente final muitas vezes não enxerga esse ganho. Eu explico. De um modo geral, quando se hospeda em um servidor compartilhado, você está alocando o seu site ou aplicação em uma máquina com “N” outras aplicações de “N” outras empresas. Isso significa, a médio-longo prazo, menor performance pra todo mundo, não só para a sua aplicação. Isso porque todos compartilham dos mesmos recursos, utilizando ou não para os mesmos fins. Claro que hoje em dia com as tecnologias escalonáveis, discos SSD e servidores VPS, contornar essa situação é simples, através de um espelhamento em modo contingência, ou seja, outro(s) servidor(es) estarão prontos para assumir o trabalho em regime emergencial. Mas isso tem um preço. É aí que entra em campo o estudo da relação custo x benefício.
Só quem já hospedou uma única aplicação com um número grande de requisições (usuários em uso) no servidor ao mesmo tempo, sabe a dor de cabeça que é ter que correr contra o tempo para garantir a integridade das informações, bem como a segurança do usuário final.
E por falar em integridade das informações, acrescente este item nas “preferências” na hora de decidir em que tipo de servidor hospedar. Não é incomum analistas ouvirem de seus fornecedores que a aplicação caiu porque “outras aplicações caíram”. Deu pra perceber? Cai um, cai todo mundo! Não é uma regra, sem dúvidas, mas é quase garantido que pode acontecer.

Não vamos definir nada com regras e nem desmerecer os serviços compartilhados de empresas muito estruturadas que temos mundo afora. Mas, o intuito deste post é mostrar que, na ponta do lápis, a relação custo x benefício provavelmente vai te convencer a evitar as dores de cabeça e procurar um bom servidor dedicado.

Você sabia que por R$ 49,90 mensais você hospeda o seu site em um Servidor Linux Dedicado, conta com Certificado SSL grátis, contas de email ilimitadas, Tráfego Ilimitado, muito espaço em disco e várias outras ferramentas? Conheça esse e outros planos em https://www.leaderti.com.br/planos

Um forte abraço e bons negócios!

Saiba a importância de sua empresa ter aplicativos smartphone

Saiba a importância de sua empresa ter aplicativos smartphone

Vantagens de sua empresa ter aplicativos para o celular

A telefonia móvel está em alta e sua empresa precisa encontrar a melhor forma de se fazer presente nela, logo a utilização de aplicativos para celular pode ser uma excelente opção para fazer sua inserção no mercado.

Tanto em um dispositivo com sistema android ou em um com IOS, a utilização de aplicativos ocorre de forma generalizada. Usamos aplicativos para pedir comida, pedir táxi, trocar mensagens, postar nossas fotos, olhar as redes sociais, agendar reuniões e o que mais você conseguir imaginar… Daqui em diante, os aplicativos estarão muito mais presentes.

Separamos algumas vantagens que vão te convencer, de uma vez por todas, sobre a sua utilização:

1 – Melhor aplicativo que sites

Quando se fala em estruturação da estratégia mobile muitas dúvidas ainda surgem, pois é um mercado, relativamente, novo e em crescimento, então sempre é preciso avaliar todas as possibilidades.

Se o assunto for aplicativo X sites para celular, o aplicativo ganha em disparada, além de manter-se presente na tela do celular 24h por dia, ainda permite notificações e navegabilidade rápida.

2 – Clareza na comunicação

Por ser uma ferramenta lapidável e ajustável ao interesse de seu negócio, é possível fazer a comunicação interna baseada na utilização de aplicativos, controle de quantidade de estoque, avisos, metas e o que mais você pensar…

Sua versatilidade permite que tudo seja feito ali.

3 – Atendimento rápido

Ao ter uma pessoa que baixou o seu aplicativo, significa que você acaba de criar um canal de comunicação entre vocês. O celular é algo bastante pessoal, onde seu utilizador vai agregando itens, aplicativos, imagens e arquivos que sejam de seu interesse, logo se seu aplicativo foi baixado, você tem fortes leads.

Aproveite esse canal de comunicação para fornecer atendimento rápido entre vocês. Notará que essa é uma das vantagens mais interessantes.

4 – Leitura Off-line

Nem sempre o sinal da internet móvel funciona, então aplicativos acabam sendo uma excelente escolha para passar o tempo enquanto esperamos uma consulta, uma reunião ou algo de nosso interesse.

Se o seu aplicativo for criado com interatividade off-line, ou seja, sem a necessidade de internet para a utilização, notará que o número de utilizadores irá crescer ainda mais.

Agora que você já conhece as vantagens, saiba o quanto é barato desenvolver um aplicativo

É isso mesmo! Aqui na Leader I.T essa novidade já é uma realidade.
Consulte nossos analistas por whatsapp ou email.

Um forte abraço e bons negócios!

Google penaliza sites que não possuem Certificado SSL

Google penaliza sites que não possuem Certificado SSL

SSL (abreviação de Secure Socket Layer) é um protocolo de segurança que criptografa todas as informações trocadas em uma compra ou ao acessar um site, impedindo que esses dados sejam interceptados por um terceiro.  Na prática, isso significa que sites que têm o certificado SSL oferecem mais proteção e confiança para o usuário.

Mas onde o Google entra nessa história?

Com a nova atualização, que entrou no ar dia 24 de julho de 2018, o Google Chrome agora avisa aos usuários se a página acessada utiliza o certificado SSL, ou seja, se é segura ou não. Quando um site tem protocolo SSL, o seu endereço muda de HTTP para HTTPS e o site recebe um cadeado antes da URL. Esta avaliação é feita para todo e qualquer site e influencia diretamente na sua credibilidade e confiança.

Outro fator muito importante é a priorização do seu site nos resultados da busca do Google. Mesmo antes da atualização, o Google nunca escondeu sua preferência por sites que possuem algum tipo dos certificados SSL. A recompensa vem ao ver seu site melhor ranqueado nas buscas em comparação aos não seguros. Porém, é bom ressaltar que ao contratar o certificado, seu site pode até perder o posicionamento que ele tinha obtido. Isso acontece porque o Google fará uma atualização para assimilar as novas URL’s, mas fique calmo, pois essa perda é temporária e em pouco tempo você só terá a ganhar. E muito.

Mas o que fazer?

A melhor opção, tanto para garantir a segurança dos seus clientes como para assegurar o bom posicionamento nas buscas é adquirir um certificado de segurança para o seu site agora mesmo!

A Leader I.T disponibiliza planos de Hospedagem Dedicada a partir de R$ 12,90 mensais com Certificado SSL Grátis!

Não deixe de aproveitar essa oportunidade de evitar uma dor de cabeça imensa!

Veja nossos planos: https://www.leaderti.com.br/planos

Um forte abraço e bons negócios!

Fonte: UOL Negócios

IBM anuncia o primeiro computador quântico comercial

IBM anuncia o primeiro computador quântico comercial

Durante a feira de tecnologia CES (Consumer Electronics Show), a IBM anunciou nesta terça-feira (08/01) seu primeiro computador quântico de uso comercial. Batizado de Q System One, o sistema de 20 qubits combina, em um único aparelho, partes quânticas e clássicas da computação. Segundo a IBM, a máquina poderá ser usada por pesquisadores e empresas. 

A empresa descreve o aparelho como a primeira solução universal integrada de computação quântica desenhada para uso comercial e científico. O TechCrunch lembra, no entanto, que uma máquina de 20 qubits não é poderosa o suficiente para a maioria das aplicações comerciais esperadas da computação quântica. Talvez por isso mesmo a própria IBM enfatize que esta é uma primeira tentativa e que os sistemas são “desenhados para um dia solucionar problemas que atualmente são de natureza exponencial e complexos demais para os sistemas clássicos de computação”.

“O IBM Q System One é um enorme passo em direção à comercialização da computação quântica”, afirmou Arvind Krishna, vice-presidente de Hybrid Cloud e diretor da IBM Research. “Esse novo sistema é crítico na expansão da computação quântica para além dos laboratórios de pesquisa, enquanto trabalhamos para desenvolver aplicações quânticas práticas para os negócios e para a ciência”.

Mais do que uma grande inovação, o lançamento do computador é simbólico, analisa o The Verge. “O Q System One pode ter sido desenhado para uso comercial, mas não está exatamente pronto para isso”, diz a publicação, que ressalta que os computadores quânticos ainda são dispositivos experimentais. “Eles não superam o desempenho dos computadores clássicos em tarefas úteis, mas são ferramentas de pesquisa que nos permitem entender, qubit por qubit, como a computação quântica poderá funcionar”.

Para Winfried Hensinger, professor de tecnologia quântica da Universidade de Sussex, o Q System One é uma primeira tentativa de dominar esse campo. “Não ache que é um computador quântico que pode resolver todos os problemas pelos quais a computação quântica ficou conhecida. Pense nele como um protótipo que te permite testar e desenvolver alguma programação que pode ser útil no futuro”, disse ele ao The Verge.

O Q System One é um cubo selado de 2,7 metros de altura, com os elementos de computação quântica pendurados no meio. Quem quiser fazer experimentos com o aparelho, porém, não vai poder instalar o computador em seu escritório. Assim como outros computadores quânticos da IBM, o Q System One é acessível apenas via nuvem — as empresas e institutos de pesquisa poderão comprar tempo na rede IBM Q Network, segundo o The Verge.

A grande inovação do produto é o design. Segundo a IBM, a principal conquista é transformar uma máquina quântica experimental em algo com confiabilidade (e aparência) mais próxima da de um computador. Computadores quânticos são aparelhos delicados, cujas partes precisam ser mantidas a temperaturas baixíssimas e que podem ser afetados por minúsculas flutuações elétricas ou vibrações. O Q System One, diz a IBM, minimiza esses problemas.

Ao The Verge, o vice-presidente de pesquisa quântica da IBM, Bob Sutor, afirmou que a nova máquina é mais rápida ao se reiniciar. Segundo ele, ligar o computador quântico após um problema técnico ficou muito mais veloz com o Q System One. “O que costumava levar semanas agora leva horas ou dias”, diz Sutor.

Fonte: Época Negócios